Google aposenta recurso de páginas em cache O que você precisa saber

O armazenamento em cache costumava mostrar como uma página da web aparecia durante o último índice do Google, mas a funcionalidade agora é considerada desnecessária pela empresa.

Um dos recursos mais antigos da Pesquisa do Google, os links em cache, está sendo encerrado. Aqui está o porquê de sentir saudade dele.

Telefone aberto na página de pesquisa do Google

Se você já contou com o recurso de páginas em cache do Google durante uma pesquisa, tenho uma notícia triste para você. Em uma recente conversa no Twitter, Danny Sullivan, interlocutor de busca do Google, anunciou que o recurso querido foi encerrado. Sullivan expressou sua tristeza com sua partida, observando que era um dos recursos mais antigos do Google. Mas por que o Google decidiu encerrá-lo? E quais alternativas estão disponíveis? Vamos nos aprofundar nesse tópico e descobrir!

Por que o recurso de Páginas em Cache foi encerrado?

De acordo com a postagem de Sullivan no Twitter, o recurso de páginas em cache foi inicialmente introduzido para ajudar os usuários a acessar páginas da web quando havia problemas com o carregamento das páginas. Nos primeiros dias da internet, as páginas frequentemente não eram carregadas corretamente, tornando a versão em cache uma solução útil. No entanto, com melhorias significativas na tecnologia da internet, a necessidade desse recurso diminuiu. Como resultado, o Google decidiu encerrá-lo.

Como o recurso de Páginas em Cache funcionava?

O recurso de páginas em cache oferecia uma opção prática para visualizar uma página como ela foi indexada pela última vez pelo Google. Ao clicar no ícone de três pontos ao lado de um resultado de pesquisa e abrir a janela “Sobre este resultado”, os usuários podiam selecionar a versão em cache da página. Esse recurso não apenas era útil para acessar páginas com problemas de carregamento, mas também era usado por operadores de sites e desenvolvedores para verificar erros e comparar diferenças entre as versões ao vivo e em cache.

Como posso visualizar páginas em cache ainda?

Embora o recurso de páginas em cache não esteja mais disponível nos resultados de pesquisa, atualmente há um método alternativo. Basta digitar “cache:” seguido do nome de domínio do site que você deseja visualizar (por exemplo, cache:ENBLE.com) na barra de URL do seu navegador. Isso exibirá uma captura de tela da página conforme ela aparecia em uma data e hora específicas. No entanto, é importante observar que o Google planeja encerrar essa capacidade também, tornando-a obsoleta em um futuro próximo.

O Futuro das Páginas em Cache do Google

Apesar da decepção em torno do encerramento do recurso de páginas em cache, ainda pode haver esperança de acessar links antigos de páginas da web por meio do Internet Archive. Em sua postagem no Twitter, Sullivan expressou sua esperança pessoal de que o Google pudesse colaborar com o Internet Archive, um site renomado por preservar conteúdo da web. A máquina do Internet Archive, conhecida como Wayback Machine, já permite que os usuários vejam versões arquivadas de páginas da web em datas específicas. Incluir as páginas em cache do Google nessa coleção forneceria uma visão abrangente da evolução de uma página ao longo do tempo.

🤔 Perguntas e Respostas: O Que os Leitores Podem Perguntar

P: Por que o recurso de páginas em cache era importante? R: O recurso de páginas em cache era crucial para acessar sites quando eles não eram carregados corretamente. Também servia como uma ferramenta para operadores de sites e desenvolvedores verificarem erros e diferenças entre as versões ao vivo e em cache.

P: Existem alternativas ao recurso de páginas em cache? R: Embora o recurso tenha sido encerrado, ainda é possível acessar versões em cache de páginas da web temporariamente digitando “cache:” seguido do nome de domínio do site na barra de URL do navegador.

P: O Google colaborará com o Internet Archive para acessar links antigos de páginas da web? R: Existe a possibilidade de colaboração entre o Google e o Internet Archive, o que permitiria aos usuários ver como as páginas da web mudaram ao longo do tempo. No entanto, nenhuma promessa foi feita, pois são necessárias mais discussões com o Archive.

O Impacto e Futuros Desenvolvimentos

O encerramento do recurso de páginas em cache do Google implica que a internet avançou muito em termos de estabilidade e capacidade de carregamento de páginas. Com melhorias na tecnologia, os problemas relacionados ao carregamento de páginas diminuíram significativamente, tornando a necessidade de uma versão em cache obsoleta. No entanto, a perda desse recurso querido deixou muitos usuários decepcionados, destacando sua importância histórica nas ofertas do Google.

No futuro, a colaboração potencial entre o Google e o Internet Archive poderia trazer insights valiosos para usuários interessados em rastrear a evolução de páginas da web. A combinação das versões em cache do Google e a vasta coleção do Archive criaria um recurso abrangente para entender como os sites mudaram ao longo do tempo. Se essa colaboração se tornar realidade, podemos esperar um futuro em que acessar links antigos de páginas da web seja mais fácil do que nunca.

🌐 Referências

  1. Anúncio no Twitter do Google Search Liaison
  2. Gerador de imagens de IA do Google
  3. Ofertas do Google Pixel
  4. Momentos da Internet Definidos em 2023
  5. Abordagem de Aprendizado de Máquina Anomalos

Lembre-se de compartilhar este artigo com seus amigos se você achou útil ou interessante! 🚀